Férias.2

Só pra terminar de registrar umas coisinhas que ainda estão na minha cabeça. Infelizmente nada de fotos ainda, minha casa tá uma mess!

Quando a gente volta pro Brasil depois de tanto tempo a tendência é querer recriar momentos e experiências. Eu sou assim, quero ir pro Boteco na segunda e tomar chop com coxinha de caragueijo. Mas nem tudo é possível, as coisas mudam, os cozinheiros mudam e sua comida preferida pode não ser mais a melhor do mundo. O Canadá e minha experiência culinária (cof, cof, cof) me estragaram. Eu não estava mais naquela loucura pela comida brasileira. Parece uma heresia eu sei.
Mas é verdade. Pão de queijo sim, uma picanha e costelinha de carneiro. Mas nada que me fizesse virar a cabeça e decidir mudar pro Brasil. Virei fresca.
Ou então não tive muita sorte mesmo dessa vez, fica pra próxima.

A parte turística das minhas férias em Fortaleza:

Restaurante das Férias: Carneiro do Ordonis. Fui lá várias vezes, era perto de casa, barato e a comida é muito boa. Mas nada de luxo, é povão mesmo.

Barraca de Praia: Barraca do Alex na Tabuba. Não tinha gente bonita porque nem tinha gente, era o mar, areia e nós. Muita água de côco e caragueijo à $2,80. A praia do futuro tem mais ambulante que grão de areia, o Beach Park é lindo mas é longe (e caro). Tabuba forever!

Barzinho: Choperia Zug. Até tem um monte de lugar novo, que eu nem me dei ao trabalho de conhecer. Na Zug os drinks são bem ruins e caros, mas o ambiente é tudo! Sem falar que é uma choperia que só vende 3 tipos de chop. Vai entender.

Piruagem: Ingrid Maison D’estetique. Fui lá fazer minha limpeza de pele e me sentir maravilhosa, inclui uma massagem incrível. É caro mas é só uma vez na vida. Recomendadíssimo.

Reveillon na Praia de Iracema. Odiei ver o povo chamando de aterro. Lulu Santos, Gilberto Gil, e Daniela Mercury, que eu só ouvi de longe. Uma queima de fogos dígna de Canada Day! Amei demais.

Iguatemi: adoro, mas fui bem pouco. Um ótimo lugar pra comidinhas. Tem uma fábrica de tapioca que marcou a minha vida…

Sorveteria: 50 sabores. Tomei sorvete de “qualquer coisa”, é um sabor mesmo.

Decepções:

Barzinhos do Centro Dragão do Mar (não fui no café, snif) caros e meio feios.
Boteco: uma banda véia tocando pagode tão alto que não se pode conversar. Também achei caro.
Beira mar: já falei porque né? Achei sujinha também.
North Shopping: virou um labirinto de loja tudo igual. Só se salvam os serviços (sapateiro, costureira) no subsolo. Comida horrível.
Coco Bambu: a comida é gostosa, o lugar é bonito, mas sentamos numa área de mesas desconfortáveis, na areia e um calor dos infernos. Meu drink também foi ruim, mas lindo!

Agora chega de falar de férias que tem muita coisa legal acontecendo em 2009. Estou contagiada pelos posts de resoluções, organização e tal que andam rolando pela blogosfera. Quero fazer os meus também!

Anúncios

One Response to Férias.2

  1. Tacy disse:

    nem acredito…
    esse povo he que não sabia onde te levar.
    da próxima vez deixa comigo que eu te mostro as coisas boas da vida em Fortal….rs

    xeiro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: