Contagem regressiva

setembro 29, 2008

Faltam 4 dias pras minhas férias!!!

Adivinha pra onde eu vou?

Anúncios

O dia em que eu fugi com o circo

setembro 29, 2008

corteo

Sexta foi dia de circo. Mas não qualquer circo. “O”circo. Aquele que todo mundo deveria conhecer.
E foi como um sonho. Um sonho de um palhaço. Ele sonha com seu cortejo fúnebre e relembra sua vida.
E a gente se pega sonhando com ele, no meio de malabaristas e trapezistas, música maravilhosa e tanta cor, tanta vida.

O Corteo é inspirado nos antigos circos italianos. A música parece uma ópera, com direito à solo de violino.
É uma mistura de alegria e tristeza, coisa de palhaço, coisa de sonho.

E o circo levou o meu coração. Ou foi ele que fugiu com o circo.


What’s so good about it?

setembro 26, 2008

Ah que saco saír pra almoçar com o pessoal do trabalho e eles escolherem um lugar de saladas.
Hello, eu já como salada todos os dias. Quando saio pra comer fora eu quero um bife, fritas, chicken wings, sei lá. Menos salada.
Sanduiche também não rola. Tipo,$10 dólares por um misto-quente metido à besta não rola mesmo.
Eu já como isso quase sempre no café da manhã.

Então vai, eu pedi um chili. Que é uma sopa grossa, com feijão mexicano e carne moída, ah e muito queijo derretido por cima. Mesmo assim, $10 dólares que poderiam ser melhor empreendidos. Então pra compensar eu peço o bolo de chocolate. Afinal é sexta né gente?
Mas pra quê? O famoso bolo de chocolate deles tem o maior gosto de bolo-de-caixa, com uma cobertura de chocolate fina e meio salgada. Não valeu as calorias. Nem meu dinheiro.
Não vou nem comentar do café.
Deve ser por isso que o povo nunca me chama pra almoçar com eles.
Yeah, I can be a bitch when they mess with my food!


Lucky

setembro 26, 2008

Ontem lá no prédio teve churrasco de apreciação dos inquilinos (nós).
A administração do condomínio, que é todo de apartamentos alugados, faz uma festinha todos os anos com direito à churrasco de hamburguer, palhaço fazendo bichinhos de balão pras crianças e prêmios, muitos prêmios.
Daí que chegamos na parte interessante. A gente foi conferir a festinha e surpresa! Saímos de lá com o grande prêmio.
Uma TV tela plana 19′!!!

tv

* Essa foi a unica imagem que eu encontrei. Não é a nossa cozinha, infelizmente…

Agora falta decidir o que nós vamos fazer com ela… Lancem suas apostas!


Interworld

setembro 25, 2008

Ontem terminei de ler o Interworld do New Gaiman. Um livro que demorou pra eu terminar, se arrastou mesmo.
Eu persisti e ele até que ficou bonzinho no final. Mas não é o melhor livro dele. E vocês sabem que eu AMO o Neil né?

Pois bem, eu diria que o Interworld é o Harry Potter do Neil Gaiman. A estória de um menino herói, mas que em vez de mágica envolve muita ficção científica, e às vezes exagera. É um livro pra adolescentes, como o Harry Poter, mas sem a profundidade do Coraline.
Faltou o toque de mestre do Neil Gaiman. Espero que ele não o tenha perdido.

Não recomendo. Fiquem com o Coraline mesmo, ou melhor ainda com o Fragile Things.

Agora volto ao Ms. Dalloway, da Virginia Woolf. Que eu cismei que vou terminar e quem sabe até gostar.
Mas tá difícil. Deve ter alguma coisa errada comigo. Em compensasão amei o The Hours, tanto o livro como o filme.
Vai ver eu preciso que alguém interprete Virgina Woolf pra mim. Mas eu quero mesmo é ler outro livro da Margaret Atwood.
E vamos botar essa lista pra frente.

E você querida leitora? O que você anda lendo?


Qualidade de vida é…

setembro 24, 2008

De vez em quando eu leio em blogs ou ouço gente falando sobre a qualidade de vida no Canadá.
Mas o que é mesmo qualidade de vida? É claro que existe um ideal “genérico” que engloba todos nós.
Mas existem também as pequenas coisas que dependem da personalidade de cada um. E de acordo com a minha eu posse dizer
que hoje eu tenho uma boa qualidade de vida aqui. Que eu acho que não teria no Brasil.
Essa também é uma boa lista pra contar minhas bençãos e deixar de reclamar da vida um pouco. Só por hoje.

Qualidade de vida é…

Dormir 8 horas por noite;
Acordar às 7:00 da manhã;
Tomar café-da-manhã assistindo o jornal;
Ligar pra minha mãe todos os dias (voip!);
Levar 10 minutos pra chegar no trabalho – sem trânsito, sem se preocupar com o preço da gasolina ou com lugar pra estacionar;
Ouvir meu ipod no ônibus sem medo de ser assaltada;
Ter um emprego trânquilo, zero stress, bom chefe, excelente ambiente de trabalho;
Trabalhar do lado de uma ótima biblioteca pública;
Trabalhar no centro da cidade;
Poder ler emails e feeds no trabalho;
Ter um bom plano de saúde e dentário;
Pausa pra chá – com várias opções de chás!!!
Uma hora de almoço;
Sair pra caminhar na hora do almoço;
Pausa pra lanche saudável;
Levar 10 minutos pra chegar em casa, sem trânsito;
Morar do lado de um parque na beira de um rio;
Morar do lado de um “doggy park”, onde meu cachorro pode correr livre!
Fazer caminhada no parque com meu cachorro;
Morar num prédio com academia e piscina;
Cozinhar meu jantar todos os dias;
Tomar uma taça de vinho sempre que quiser;
Ter internet veloz, muitos livros, muitas opções de lazer;
Viajar todos os anos;
Ter poucos mas bons amigos;
Ter acesso aos eletrônicos de última geração;
Ter as quatro estações do ano bem definidas!
Morar numa das cidades mais lindas do mundo;
Diversidade cultural em harmonia;
Estabilidade política e econômica;
Conviver com pessoas educadas e gentis;
Ter estabilidade emocional;
Ter perspectivas pro futuro.

É claro que isso não é tudo, mas é tudo que eu tenho hoje e que me faz pensar duas vezes antes de reclamar. Faz mesmo. Por isso é importante determinar o que é que realmente nos faz feliz. Não são (só) os bens materiais, mas as pequenas coisas que enchem as nossas vidas de alegria e vontade de continuar.


Ai eu sou uma deusa!

setembro 23, 2008

Gente já faz uns dias que eu entrei no Projeto Deusas. Só foi ler no blog da Lu Monte que as inscrições estavam abertas que eu corri pra lá sem nem pensar! E estou animadíssima!

O projeto é um grupo do google criado pelas “deusas-mestras” pra juntar toda a mulherada do mundo virtual de uma maneira que a gente possa interagir uma com a outra e enriquecer as nossas vidas. O objetivo é que você trace suas metas de vida e publique no grupo, daí cada uma dá os seus “two cents”, colaborando, dando dicas, aconselhando, incentivando e até dando uma bronca se precisar. Até agora não estou muito ativa no grupo, fico mais lendo que escrevendo, mas adoro ver essas mulheres inteligentes e tão legais todas reunidas num lugar só. E o melhor, eu sou uma delas!!! Olha meu selinho aí do lado 🙂

Já gostei de cara da iniciativa porque como vocês sabem eu tenho minhas metas traçadas pra completar antes dos meus 30. Mas eu gostei mais ainda de ter todo um grupo de apoio, minhas “personal chearleaders”, que legal né?! E faz tanta diferença sentar e planejar suas metas. É como se você ascendesse uma luz dentro da cabeça, você começa a ver o que precisa ser mudado, alcançado, ou até mesmo deixado de lado. É muito bom também ver que muita gente tem as mesmas metas, os mesmo sonhos e principalmente os mesmos medos, defeitos e dificuldades. Nós não estamos sozinhas, essa luta é de todas nós! (Alívio!)

Agora dá licença que eu tenho muito pra ler e minhas metas pra escrever né? Quem sabe vocês não se inspiram pra ir lá também?!